Municípios aderem a programa de formação de professores

Na última quarta-feira (14), foi realizada a Assinatura do Termo de Cooperação Técnica entre o Governado do Estado, a Universidade Estadual do Maranhão (UEMA) e representantes de 13 municípios que serão contemplados com novos polos do Programa Ensinar de Formação de Professores. A cerimônia aconteceu no Palácio dos Leões.

Assinaram o Termo de Cooperação prefeitos e representantes das cidades de Anajatuba, Arari, Icatu, Loreto, Paraibano, Pirapemas, Presidente Sarney, Santa Luzia, Santa Luzia do Paruá, Santa Rita, Turiaçu, Viana, Vitória do Mearim.

Além da adesão dos 13 municípios, será ampliada a oferta de cursos nos municípios de Pedreiras, Pinheiro e Zé Doca, campi da UEMA onde também funcionará o Programa Ensinar.

O programa

O Ensinar iniciou em 2017, com oferta de cursos em 12 municípios direcionada a professores da rede de ensino sem diploma de Ensino Superior, além dos alunos egressos do ensino médio da comunidade geral.

O intuito é que cerca de 3 mil professores sejam formados até 2021 e comecem a atuar na educação básica do Maranhão.

A coordenadora geral do Programa Ensinar, Regina Célia Castro, comentou sobre a escolha dos municípios para oferta dos cursos de formação docente.

“Os polos onde funcionará o Ensinar são fruto de um levantamento de vários aspectos como onde já haviam ofertas de cursos de instituições públicas ou particulares, além de dados do IBGE para identificar onde teria uma demanda maior por professores. Este momento de expansão do Programa é resultado de uma avaliação e expertise que a UEMA tem”, afirma.

Para o governador Flávio Dino a expansão do Programa contribui com o processo de desenvolvimento do Maranhão  “É preciso ter senso de prioridade. Investir naquilo que é fundamental. E a educação é sempre fundamental, os professores também. Abrir oportunidades é fundamental para que tenhamos um Maranhão melhor”, enfatizou.

A previsão é que o próximo vestibular do Ensinar ocorra em julho deste ano e as aulas iniciem em meados de setembro. Serão ofertadas vagas nos cursos de Ciências Biológicas, Matemática, História, Geografia, Letras, Línguas Portuguesa, Inglesa e Literatura e Pedagogia. Nesta etapa, também haverá vagas para os cursos de Física, Química e Ciências Sociais.

Também presente no momento, o deputado federal Weverton (PDT) defendeu a educação como uma das mais importantes intervenções que precisam ser feitas no país.

 

 

 

MA 10

Desenvolvimento e Hospedagem: